Não caia no golpe da multa falsa do Detran

O Golpe do boleto falso do Detran inicio no estado de São Paulo, mas criminosos estão ampliando o golpe para outros estados. No entanto, assim como acontece com todas as fraudes, existem vários pontos que devem ser observados para identificar o falso do verdadeiro e nessa postagem iremos apresentar todas as elas.

O golpe: A ideia do golpe é simples, os criminosos tiram fotos das placas traseiras dos veículos em alguma rua qualquer e dias depois enviam pelo correio uma cobrança de uma suposta multa aos proprietários. O boleto contém uma agência e uma conta corrente que recebe o dinheiro para os criminosos.

COMO IDENTIFICAR O GOLPE?

detransp

::

Existem alguns pontos que facilitam na hora de identificar se a multa existe ou não. Ao receber uma multa, consulte primeiramente o cabeçalho do boleto e veja se o cabeçalho apresenta o sistema MILT, se não apresentar pode desconsiderar que não passa de uma fraude.

O segundo ponto que deve ser identificado é a entidade que supostamente registrou a infração de trânsito, se a multa vem no nome do DETRAN ela não conterá nenhuma imagem, pois apenas os responsáveis municipais enviam multas com a foto do veículo.

Por fim, acesse o site do DETRAN de seu estado e confira se realmente existe uma pendência junto ao DETRAN. Caso contrário, o boleto que você recebeu não passa de uma grande fraude.

Para maiores informações procure o DETRAN e outros responsáveis pelo trânsito em sua cidade.

Comente!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *